ESTOU GRÁVIDA, MAS FUI DEMITIDA. O QUE POSSO FAZER?

Estabilidade refere-se ao período em que o trabalhador tem seu emprego garantido, não podendo ser dispensado, salvo por justa causa ou força maior.

De acordo com a legislação, a trabalhadora gestante tem direito à estabilidade no emprego desde a constatação da gravidez até 05 meses após o parto, deste modo, somente poderá ser dispensada por justa causa.

No entanto, caso não seja verificada a justa causa, a gestante poderá solicitar sua reintegração no emprego, neste caso, a empresa deverá realizar seu restabelecimento com o pagamento de todos os salários devidos desde a demissão até o retorno.

Caso a empresa não a reintegre, a trabalhadora poderá pleitear seu direito por meio judicial.

Esse post foi útil? Deixe sua opinião aqui nos comentários!

close
INSCREVA-SE
Siga nosso blog para receber notificações de novos posts por email.

Deixe um comentário